Livro de Ponto

...Soma e Segue...

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Amor que dói

Nota: O texto exposto a seguir é uma homenagem. Não um retrato pessoal.

Todas nós sabemos que quando se ama, não se escolhe o alvo desse amor. Ama-se e pronto. Da mesma forma, todas nós sabemos que há atitudes inaceitáveis, intoleráveis e que são fruto de uma tremenda falta de respeito.
Sim, nós sabemos disso tudo. As nossas mães trataram de nos formatar bem nesse sentido. A teoria temo-la toda...mas quando toca à prática, as coisas mudam de figura.

Já perdi a conta às vezes que vi chorar, e chorei, por amor. Um amor não correspondido, um sentimento mal retribuido. Participei no blog entrenosnaoda.blogspot.com, relatei e vi relatados por amigos situações de desespero, de pânico, frustração, mágoa, angústia...perda.

Sei que agora falo com um sentimento de distância, de alguma relutância...mas também com conhecimento de causa, com experiência de vida, exemplos concretos, vivências de perto: um amor que dói, não vale a pena e, dificilmente alguma vez valerá. É como forçar um par de sapatos: pensamos que aguentamos, porque são giros, estão na moda, mas...são un número abaixo do nosso. Nunca nos servirão.
O vendedor dir-nos-á que "com o tempo alarga"...mas até aqui, o caríssimo senhor está enganado. Sim, alarga...mas não cresce.

Eu não sei o que me reserva o futuro e, honestamente nem estou muito ralada com isso (hoje), mas...não te quero mais ver chorar desse jeito, ver-te de rastos desse jeito - farrapo humano em que te tornas sempre que discutem, sempre que ousa corromper o teu amor próprio, o vosso amor conjunto.

Um amor forçado, não resulta...nunca resultará. 

6 comentários:

Pati_sofia04 disse...

sem palavras para o teu texto :') contigo...um amor forçado nunca mas nunca resulta...
my sister forever :')
bejito!

LILIana disse...

mas acreditem que apesar do principe estar escondido ..nós vamos encontrá-lo

Pati_sofia04 disse...

comigo***
possas ainda bem que passei por cá! erro meu! quem ler interpreta mal :/

tiago disse...

forte o texto...fez lembrar logo de uma situaçao, recente, muita fresca...
a uma frase do texto diz tudo....

Feliz aos Trinta disse...

@LiLi, claro que vamos amiga! Mas há duvidas?!
@Tiago - como expus no inicio, não é um texto pessoal - é uma homenagem a alguem que eu amo muito;
@Tixa - ninguem repara ;)

Nanaúuu disse...

Não há dúvidas nem pode haver... Eu já encontrei o meu e sei que os vossos andam aí;) Eles vão aparecer e vão valer a pena... ;)