Livro de Ponto

...Soma e Segue...

sábado, 11 de junho de 2011

O regresso

Há regressos que se fazem cheios de força e vitalidade. Recordo-me que sempre que voltava com o meu ex-namorado ia cheia de pujança para que tudo fosse perfeito daquela vez. Quando estudava para um exame era o mesmo - dava sempre mais e mais de mim! Igualmente nas saídas noturnas, em que a durabilidade da saída posterior era sempre superior à anterior! (nhec! tanto erior!)

Pronto. Com a passadeira não está a ser o mesmo. Longe vão os cinquenta minutos de corrida consecutiva - tenho feito uma hora de exercíco, a bom ritmo, com tempos de corrida não superiores a vinte minutos...que vergonha! Verdade seja dita que ainda só pratiquei duas vezes, mas estou mesmo desgostosa por não conseguir pelo menos meia horinha... Estou sempre receosa da dor de costas, que no primeiro dia me voltou a incomodar, e por isso não tenho entrado em esforço. Ontem exprimentei correr com elevação - 2% - e de facto não tive dores. Quanto ao peso, pensei que tivesse engordado mais. Esta manhã pesei-me e mantenho o 55 quilogramas. Confesso que me tenho desleixado com a àgua...Tenho comido muita fruta, mas também alguns doces - associo sempre o desejo de doces à terceira semana da toma da Diane 35...(bom alibi).

Fora isso, tudo bem! Estou ansiosa por saber os resultados do mestrado! Quero muito entrar! Quero dar uma volta grande à vida - não por alguma razão em concreto, mas porque me apetece mudar. Vou fazer um concurso mais ousado este ano lectivo. Receio ficar colocada longe de casa - por todos os motivos e mais alguns, mas especialmente pelo meu Lab...- mas sei que também isso me ajudará a ser uma pessoa melhor...espero eu. 

4 comentários:

Monóloga disse...

Já tinha pensado no teu lab! :(
Quanto ao peso, parabéns! Estás a manter, o que é excelente!

Feliz disse...

Ai :'( vai custar tanto...

Márcio Santos disse...

Muito bem Ana Maria, vejo que muito tem mudado desde que temos estado mais distantes =D

Antes de mais um beijinho para ti (começo pelo que normalmente seria o fim, porque sim!). 3 coisas :

a)Parabéns, do coração, pela vontade de levar em frente o mestrado =D Sabes como fico feliz por te teres decidido a continuar a tua formação pessoal. Se não te valorizares, quem o fará?! NINGUÉM! Por muito que o afirmem!

b) Será pelo lavrador? Custa-nos admitir, mas… é por tudo! Incluindo o Pipas! …mas apenas "incluindo".

c) Muitos parabéns pela coragem na passadeira. De facto torna-se chata ao fim de algum tempo. E uma hora por dia não tem que ser a regra, muito menos com inclinação 2%! Vais acabar por começar a reduzir, reduzir, reduzir... e mesmo antes de sentires efeitos já desististe =D

Eu limito-te a 15 min de passadeira diária, a 12km/h e 0,5% de inclinação. Seguido de 15 min de remo. Depois o treino prossegue, mas para o Cardio é mais do que suficiente! A essência está na insistência do treino fora da tua área de conforto, ao invés, do prolongamento da fadiga numa zona de conforto!

Se fizeres 1h, mesmo que diária, dentro do teu ritmo normal não estás a trabalhar nada... no máximo irás sentir as tais dores no primeiro e segundo dia para além de estares a acumular algum cansaço.

Fica bem
(Já me despedi, no início ;)

Feliz disse...

Marcio...deixas-me sempre com um sorriso bobo! a sério! Quando voltas, voltas com tudo! É indiscritível! :D

Obrigada pelas palavras, sempre sábias! ;)

Tu sabes que a distância é apenas física! ;)