Livro de Ponto

...Soma e Segue...

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Dos meus cabelos

Dona Feliz, feliz com o seu cabelo. Como sabeis, fiz no final do passado ano, uma lista com os afazeres de 2011. Além da perda de peso, era meta deixar crescer o cabelo (muito), ingressar num mestrado, maquilhar-me diariamente, manter as unhas de gel, caminhar com o Lab...and so on. Algumas eu consegui cumprir, outras vou cumprindo e há umas quantas das quais nem me recordei ou não quis sequer pensar nelas: ver mais televisão, ir para a natação - nem sei onde anda esse material -, viajar e ler mais. A mais ao menos dois meses da entrada no novo ano, creio que o balanço é francamente positivo! Estou orgulhosa do que consegui e, incrível, estou esperançosa de que possa delinear metas mais ousadas para o ano que vem. Ainda não estou a trabalhar nesse sentido, mas apercebi-me que ter uma lista de "resoluções" é de facto útil e estimulante para evoluir enquanto pessoa! Pode soar estranho, eu sei. Mas no fundo, projetamos aquilo que queremos, abrimos a nossa mente e o nosso coração àqueles planos que normalmente estão mais encobertos et voilá! Concluímos que não eram assim tão utópicos, nem foram assim tão difíceis de alcançar! [claro que estas observações não se aplicam ao série 1]

6 comentários:

Mariana disse...

UAU :D Gostei :)

Feliz disse...

Danke :D

Paulo Nunes disse...

uau! estás mto bem! belo penteado! :) gostei!
pera lá.. não está ali um piolho? :P
Em relação às tuas metas, ainda bem que correram bem, traçar objectivos e cumprir, dá-nos uma sensação de felicidade e de bem estar! Nem sempre conseguimos cumprir tudo, mas se esforcar-mos.. não nos podemos queixar :)

Feliz disse...

A minha irma, de quando em vez, lá se lembra de me mimar!
Um piolho?! Admira-te! Quem lida com crianças corre esse risco! Acho que devíamos ter um seguro para nos proteger de danos no coro cabeludo! :P

Anita disse...

Depois de ter assassinado brutalmente o meu cabelo e ser obrigada a entrar em 2012 com a pior cabeleira ever, até me dói ver estas fotos loool
pode ser que inclua o ressuscitar o meu na to do list do próximo ano ;)

Feliz disse...

Ai Anita! Também já assassinei o meu algumas vezes! Mas felizmente o meu cabelo puxou à dona e deu a volta por cima! [chorei da minha alma porque a senhora cabeleireira me queimou ao fazer uma permanente nojenta - quando somente lhe havia pedido "umas ondinhas"]

Coragem! E, uma boa alternativa são as extensões! [que também já apliquei] Não fica assim tão caro e o aspeto melhora significativamente! ;)

Go Girl! :D